Acessibilidade logo

Acessibilidade

bat-papo

Fale com a Prefeitura

  • *Campos obrigatórios
  • Ao iniciar um contato, você concorda com a Política de privacidade

  • ...Ou se preferir

  • Ligue para nós

    (77) 3432-1112

  • Ou seja atendido presencialmente

    Segunda a sexta-feira, das 08h às 12h e das 14h às 18h.

    Praça Osório Ferraz, Nº 01 - Centro

  • Outros meios de contato

Em conformidade com:

Saúde
7ª Conferência Municipal de Saúde de Itambé colocou em pauta “Os desafios do SUS durante e pós-pandemia”
27/10/2021

Com o tema “Os desafios do SUS durante e pós-pandemia”, o Conselho Municipal de Saúde e a Prefeitura de Itambé, através da Secretaria Municipal de Saúde, promoveram nos dias 26 e 27 de outubro, a 7ª Conferência Municipal de Saúde. No primeiro dia, o evento aconteceu de forma presencial e, no segundo momento, na modalidade on-line.

A abertura da programação, realizada no Salão Paroquial, reuniu representantes do Poder Público e da Sociedade Civil, com a participação ativa de gestores de saúde pública e profissionais da área. Na oportunidade, foi realizada uma apresentação consistente e altamente comprometida com a construção de novas políticas públicas voltadas à Saúde de Itambé.

Entre as autoridades presentes estava o prefeito Candinho Araújo; o vice-prefeito, Bruno Lopes; o secretário de Saúde, Valdeci Porto; o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Gilberto Costa; o padre Esdras dos Santos; a subsecretária de Saúde, Clara Lopes; a Assessora Técnica da Secretaria de saúde, Ceres Neide Almeida; o técnico do Núcleo Regional de Saúde de Itapetinga, Derival Santos; além das Conselheiras, Verônica Oliveira, Lícia Suilan Gama e Rosângela Neves.

Durante os pronunciamentos, todos ressaltaram a importância das discussões e deliberação de propostas que busquem ampliar o acesso da população aos serviços e fortalecer a atuação do Sistema Único de Saúde no Município, sobretudo, neste momento, onde toda comunidade ainda sente os impactos da pandemia.

O prefeito Cadinho aproveitou para destacar os atuais desafios enfrentados no setor e convidou a sociedade para fazer a diferença neste cenário. “Agradeço a Deus por este momento e parabenizo a todos os envolvidos. Conhecemos as dificuldades, mas vamos fazer a nossa parte, para que o nosso trabalho possa corresponder com êxito os anseios da comunidade e garanta uma Saúde cada vez mais humanizada. Esse é o meu desejo como gestor. Quero fazer história em Itambé e a Saúde não vai ser diferente”, afirmou.

No segundo dia, as atividades on-line foram iniciadas com o credenciamento, plenária, leitura e aprovação do Regulamento da Conferência. Em seguida, a programação foi abrilhantada com a palestra sobre o tema central “Os desafios do SUS durante e pós-pandemia”, ministrada pelo técnico do Núcleo Regional de Saúde de Itapetinga, Derival Santos, responsável pelo Controle Social.

Após as considerações, os participantes foram divididos em grupos para a discussão dos seguintes eixos temáticos: “Reestruturação e Fortalecimento da Atenção Básica”; “A Vigilância à Saúde e seu papel no enfrentamento das doenças infectocontagiosas e Doenças Crônicas não transmissíveis (DCNTS)”; e “Estruturação da Rede Assistencial à Saúde, integrando os vários níveis de Assistência”.

A programação seguiu com o debate, elaboração e votação de propostas, e com a eleição dos delegados que vão representar o Município de Itambé na Conferência Estadual de Saúde e, posteriormente, na Conferência Nacional. O evento foi avaliado de forma positiva pelos organizadores e classificado como um momento democrático destinado à participação popular na avaliação das ações atuais e no planejamento de novas políticas públicas.



Autor: ASCOM/PMI